10/03/2019 08:57 (atualizado em 31/12/1969 21:00)

Criciúma e Chapecoense fazem prévia de mata-mata no Catarinense 2019 Tigre e Verdão ainda irão duelar nas próximas semanas pela terceira fase da Copa do Brasil.

Criciúma e Chapecoense se enfrentam pelo Catarinense 2019(Foto: Arte DC)

Em disputa direta pelas vagas nas semifinais do Campeonato Catarinense, Criciúma e Chapecoense duelam neste domingo, às 16h, pela 12ª rodada. O confronto no Estádio Heriberto Hülse, no Sul do Estado, é uma prévia de um outro mata-mata já definido e que a dupla será protagonista. Os times vão se enfrentar pela terceira fase da Copa do Brasil em confronto que valerá, além da classificação, R$ 1,9 milhão, valor da premiação dada pela CBF.

Enquanto aguarda pelo jogo de ida da competição nacional, agendado para os dias 27 deste mês e 10 de abril, Tigre e Verdão voltam a focar no Catarinense. O Criciúma precisa vencer para permanecer perto da zona de classificação. O clube, que nesta semana demitiu o técnico Doriva e o executivo de futebol Nei Pandolfo, tem 14 pontos. A diferença em relação ao Marcílio Dias, que abre o G-4, é de cinco. Depois desta rodada, vão faltar só mais 18 pontos em disputa.

Já a Chapecoense vive uma situação um pouco mais confortável no Estadual. Com 21 pontos, a equipe luta pelas primeiras colocações com a dupla Avaí e Figueirense. Finalista nas três últimas edições, conquistando as taças em 2016 e 2017, a Chape tenta se manter na zona de classificação e alcançar a quarta decisão consecutiva. No ano passado, a equipe perdeu o título para o Alvinegro da Capital. Uma vitória, deixa encaminhada a vaga às semifinais.

Escalações possíveis

Pronto para estrear sob o comando do técnico interino Wilson Vaterkemper, o Wilsão, o Criciúma não deve ter grandes mudanças. Derlan pode estrear com a camisa do Tigre na zaga, no lugar de Federico Platero, e no meio Jean Mangabeira assume a vaga de Zé Augusto, que cumpre suspensão automática. O volante Eduardo também está de volta para a partida, que é determinante para o futuro do Tigre na competição.

— Todos nós temos uma responsabilidade em cima, vamos buscar o que está faltando para incrementar o elenco, produzir um pouco mais. Deixar bem claro que o grupo tem condições, já conversamos, estão imbuídos de dar continuidade de uma forma diferente, elenco de pessoas com caráter incrível, tentado fazer o melhor — elogiou o treinador.

O Criciúma não venceu nenhum dos clássicos estaduais até agora, e se conquistar os três pontos diante do time do Oeste, mantém vivo o sonho pelo G-4. Já a Chapecoense tem como meta seguir entre os quatro. Sem rodada na próxima semana, o técnico Claudinei Oliveira deve usar a base do time titular. Na semana passada ele poupou a equipe principal na vitória por 2 a 1 diante do Metropolitano, para encarar o Mixto-MT na Copa do Brasil. Por isso, quem estiver bem fisicamente vai para o jogo.

O treinador já confirmou que o meia Gustavo Campanharo fará seu terceiro jogo em oito dias. Mas o zagueiro Rafael Pereira deve ser poupado. Como Joílson está lesionado, o jovem Hiago assume a vaga. Amaral também será preservado. Assim, o volante Augusto é o mais contado para entrar. Victor Andrade, que levou um pisão na mão na Arena Pantanal, e saiu com cinco minutos de jogo, está liberado e deve jogar.

FICHA TÉCNICA - Criciúma x Chapecoense

CRICIÚMA

Luiz, Maicon, Sandro, Derlan e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo e Daniel Costa; Caique, Andrew e Reis. Técnico: Wilson Vaterkemper (interino).

CHAPECOENSE

João Ricardo; Eduardo, Hiago, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Augusto e Gustavo Campanharo; Renato, Everaldo e Victor Andrade. Técnico: Claudinei Oliveira.

ARBITRAGEM: Bráulio da Silva Machado, auxiliado por Alex dos Santos e Carlos Felipe Schmidt.

DATA E HORÁRIO: domingo, às 16h.

LOCAL: Heriberto Hülse, em Criciúma. 

Veja fotos da matéria

Fonte: DC

Mais notícias