11/03/2019 16:34 (atualizado em 11/03/2019 16:37)

Ciclistas se encantam com trilhas, paisagens e organização do 2º Pedala Tunápolis “Não esperem um ano para realizar o próximo”, clamou outro um ciclista presente.

Ciclistas reunidos no Eventos Park antes da largada

No último domingo (10), o grupo Bike Tunas promoveu a 2ª edição do Pedala Tunápolis. O evento contou com a participação de 250 ciclistas, vindos de 29 cidades: duas da Argentina, uma do Paraná, três do Rio Grande do Sul, de Florianópolis e os demais de cidades do Oeste. Cerca de 60 ciclistas já vieram no sábado e acamparam no Eventos Park.

Além dos ciclistas vieram até o Eventos Park ainda 60 acompanhantes que passaram o dia curtindo o centro de Eventos. Foram servidos 360 almoços. O evento foi prestigiado pelas autoridades municipais e contou com a presença do Prefeito, vice-Prefeitos, Secretários e do vereador Gustavo Lawisch.

Trajeto contemplou passagem em Riachos.

O evento contou com ciclistas de 29 cidades: duas da Argentina, uma do Paraná, três do RS, de Florianópolis e os demais dos municípios do Oeste.

No café da manhã teve música ao vivo com o ciclista e violinista Maikel Frey. O Padre Ignácio fez questão de marcar presença e, em sua bênção, falou sobre o valor da vida, da importância natureza, da integração e procedeu o envio de todos os ciclistas.

Os ciclistas receberam uma medalha de metal personalizada alusiva aos 30 anos do Município de Tunápolis, oferecida pela administração municipal.

A avaliação do evento por parte dos participantes não podia ser melhor. Segundo Vanduir Matias Deters, da coordenação do Bike Tunas, quando o grupo se desafiou para organizar a 2ª edição do Pedala Tunápolis a intensão era fazer um cicloturismo rural. “O percurso que oferecemos foi pensado para os ciclistas, que na sua grande maioria residem na cidade, pudessem pedalar em meio à natureza. Os integrantes do grupo trabalharam vários dias para concluir os trajetos para que fosse possível oferecer o melhor”, afirma.

Superar um desafio é a certeza da alegria no final.

Muitos ciclistas sugeriram que as trilhas e o percurso ficasse aberto durante o ano para quem desejasse ir fazer o trajeto. “A possiblidade existe, mas exige uma limpeza do local antes de ser pedalado e sempre contamos com a colaboração de todos os proprietários de terras que sedem o espaço para viver o Show da Natureza”, complementa Vanduir.

A gratidão expressada pelos ciclistas na hora de receber a medalha e os depoimentos emocionaram a organização. “Vocês falaram que iríamos viver um show da natureza e aqui estou para testemunhar que foi mais do que um show, foi um verdadeiro espetáculo”, afirmou o doutor Fernando Girardi, ao concluir o pedal. “Não esperem um ano para realizar o próximo”, clamou outro. 

O percurso incluía a passagem pela Pinguela e sete trilhas, entre elas, uma inédita de 1,5 Km aberta especialmente para o evento. O 2º Pedala Tunápolis foi 100% em estrada de chão, um verdadeiro Cicloturismo Rural.

Fonte: Rádio Tunaporã AM 1260

Mais notícias