15/03/2019 15:36 (atualizado em 31/12/1969 21:00)

Fifa anuncia criação do Mundial com 24 clubes para 2021 Europeus ameaçam boicotar o torneio.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, confirmou nesta sexta-feira que a Fifa vai realizar o novo Mundial de Clubes com 24 equipes em 2021. A decisão ocorreu após aprovação do conselho da entidade, que se reuniu em Miami. A Fifa também decidiu dar seguimento ao projeto de aumentar o número de participantes da Copa do Mundo de 2022 para 48 seleções. A decisão final sobre esse tema será tomada em junho.

Infantino sustentou que a Fifa tem a aprovação da Uefa para a realização do torneio de clubes. “Em 2021 o mundo verá um novo Mundial de Clubes. Queremos uma competição emocionante e estamos muito empolgados”, afirmou o presidente da Fifa.

O Mundial de Clubes, porém, sofre ameaça de boicote por parte dos grandes clubes europeus. A Associação Europeia de Clubes (ECA) manifestou sua posição contrária ao torneio com 24 equipes em carta enviada à Fifa. Além do presidente da ECA e da Juventus, Andrea Agnelli, assinaram o documento Pedro López Jiménez, vice-presidente do Real Madrid, e Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG, assim como pelos mandatários de Barcelona, Bayern de Munique e Manchester United.

A primeira edição desta competição, que substituirá a Copa das Confederações da Fifa, deverá acontecer entre junho e julho de 2021. A ECA acredita que o calendário internacional não permite que esta competição seja realizada em 2021.

As mudanças

A Fifa definiu que o novo Mundial de Clubes deverá ser disputado de quatro em quatro anos, sempre ocorrendo um ano antes da Copa do Mundo. O local da primeira edição em 2021 ainda não está definido. O certo é que não vai ocorrer no Catar, sede da Copa do Mundo de 2022, por conta do clima.

Dos 24 clubes do Mundial, oito serão da Europa e seis da América do Sul. Caberá a cada confederação continental definir os critérios de classificação para o torneio. Dessa forma, a Conmebol que vai escolher como serão definidos os representantes da América do Sul.

O Mundial de Clubes será disputado no atual formato até 2020. Ou seja, o campeão da Libertadores da América deste ano terá a possibilidade de jogar o torneio no final do ano.

Veja fotos da matéria

Fonte: Correio do Povo

Mais notícias